PESQUISAR

Estresse causado por divórcio aumenta risco de doenças

Estresse causado por divórcio aumenta risco de doenças

Estudo mostrou que situações de tensão como uma separação ou o desemprego danificam o material genético

Uma pesquisa realizada na Holanda indicou que os danos de um divórcio podem ir além dos financeiros e emocionais. Situações de grande estresse, como separação, desemprego ou a perda de alguém muito próximo podem danificar o DNA provocando mudanças que, eventualmente, podem levar à doenças como Alzheimer, problemas cardíacos e câncer . As informações são do Daily Mail .

Conforme explica a pesquisa, estruturas que protegem o DNA, chamadas telómeros, diminuem de tamanho naturalmente com o envelhecimento, mas quando as pessoas passam por situações de estresse a redução dessas cápsulas acontece em ritmo mais acelerado. “Nós sabemos que a diminuição acelerada do tamanho dessas estruturas está associada ao desenvolvimento de doenças cardiovasculares, Alzheimer e câncer”, declarou a pesquisadora Sonja van Ockenburg.

Para a pesquisa, mais de mil adultos foram reunidos e tiveram essas estruturas que envolvem o DNA medidas. As medições foram feitas novamente quatro e seis anos após a primeira vez e a cada novo encontro os voluntários foram questionados sobre grandes acontecimentos estressantes em suas vidas.

Após os estudos realizados a partir dos resultados, a pesquisa concluiu que a exposição a situações estressantes acelera a diminuição dos telómetros em ritmo mais acelerado do que a velhice, e, conforme reduzem de tamanho deixam o material genético mais exposto.

Apesar dos resultados, a pesquisadora afirmou que a prática de exercícios físicos pode impedir os danos ao DNA. “Quando pessoas que passam por momentos estressantes se exercitam, suas estruturas sofrem menos”, declarou.

loading...

Você poderá gostar

Deixe um Comentário

Deixe uma resposta